Alanya Escort Lara Escort antalya escort

Conto de Sexo Brasileiro – Deliciosa Surpresa

17 205407_336622339760022_945590591_n-700x700-1

Conto de Sexo Brasileiro – Deliciosa Surpresa:

A água do chuveiro queimava minha pele com suavidade quando alguém bateu na porta do quarto, fiquei surpresa com isso. Peguei a toalha bege, me enrolei e fui atender com prontidão.

Ao abrir a porta de madeira frisada logo vi aquele rosto de uma beleza simples e mágica. Seus olhos pequenos e sua boca larga que adornava o rosto de pele clara logo me fizeram lembrar-se daquela garota. Estávamos hospedados no mesmo hotel, participando do mesmo evento na faculdade, enfim. Seus olhos me fitaram sem cerimônia.

– Posso entrar? – Perguntou com uma voz doce e olhar fogoso. – Ou está muito ocupado?

– Pode entrar, vou vestir uma roupa para conversarmos melhor. – Falei de imediato, porém algo me dizia que a roupa não faria diferença.

Ela passou roçando sua pele na minha, o vestido florido revelava suas lindas coxas, o perfume dela me invadiu. Ela caminhou e sentou-se na poltrona.

– Desculpe entrar assim, vi sua apresentação hoje e achei um tema bem interessante – Cruzou as pernas e não deixei de notar que estava sem calcinha.

– Que bom que gostou. – Me sentei na cama após fechar a porta.

Fiquei devorando aquela pequena com os olhos. Meu membro já estava ereto e fazendo volume sob a toalha. Ela fez algumas observações sobre a apresentação e interrompeu abruptamente sua fala quando viu a que meu quarto tinha uma sacada.

– Que lindo! Você tem vista para o mar. – Levantou-se e foi para a sacada com um rebolar tentador. Logo a segui.

– A lua é linda daqui, o mar também…tudo é lindo

Antes que ela completasse a frase eu a beijei na boca. Nossas línguas molhadas se encontraram. Mordi seus lábios, seu pescoço.

– Nossa, que beijo gostoso! O que mais tem de gostoso ai? – Ela perguntou com uma voz safada e rouca.

– Entre no quarto que eu mostro.

– Não, me mostre aqui… Meu membro quase saltou da toalha. Ela tirou o vestido ali mesmo e ficou nua na sacada. Fiz o mesmo.

Minha visita safada simplesmente me pegou e começou a me chupar. Não falava nada, só lambia de forma gostosa. Quando terminou, virou-se de costas e apoiou as mãos na grade da sacada.

– Quero aqui… – disse dando três tapas na bunda, mas três tapas bem dados. – O quero bem devagar. Todinho.

Eu não dizia nada, estava enfeitiçado. Comecei a penetrar no ponto indicado. Abri sua bunda com uma das mãos e aquela luva de carne engolia meu membro aos poucos. Fazia pressão sobre ele e a cada centímetro que entrava, eu gemia tão gostoso quanto ela. Quando enfiei metade, ela soltou um gemido mais arrastado e ordenou:

– Mete de vez… Mete que está muito gostoso! Vai…

Obedeci e meti com violência. Senti a pele de meu membro ser arrastada para trás. A bunda dela bateu em minhas coxas e ela soltou um grito de dor e prazer. Começou um vai e vem alucinante, sem parar.

Seus seios balançavam, podia ouvir o som deles cortando o ar.

– Ahhh mais… Quero mais… mais vai…– Ela me engolia com fome e voracidade. Seu gemido estava me deixando prestes a gozar.

Depois de algumas estocadas, eu parei. A virei para mim, olhei seus olhos, dei-lhe uma tapa e a deixei ajoelhada. Esfreguei meu membro em seu rosto, em todo ele. Quando vi que estava com muita vontade, mandei-a deitar. Comecei a beber seu mel e ela o meu. Fizemos um meia-nove no piso da sacada. Meus dedos corriam em seu ânus enquanto minha língua a devorava. Gozamos os dois ali, um na boca do outro.

Quando terminamos, ela me olhou e disse:

– Preciso de um banho. – Sorriu, pegou em minhas mãos e me fez levá-la ao banheiro.

Sob o chuveiro, me excitou mais uma vez com suas mãos e boca, me deixou sentado e cavalgou em mim. Subia e descia freneticamente. Gemia, pedia pra ser chamada de cadela…

– Sou sua cadela… não sou? Sou ou não sou sua cadela seu safado?

A respiração ofegante foi sufocada quando gozei dentro dela de uma vez só. Ela me beijou e ficou sentada sobre mim.

– Que noite gostosa. – O seu sorriso continuava safado. – Vamos logo tomar esse banho que daqui a pouco meu namorado chega. – Deu-me uma piscada travessa de olho e terminou seu banho.

Quando foi na sacada apanhar o vestido, resisti para não devorá-la ali, outra vez.

Durante os dias do evento transamos mais três vezes. Agora no quarto dela para variar.

1 Star2 Stars
Loading...
Vídeos Relacionados
Deixe um comentário
istanbul escort bayan mecidiyekoy escort sisli escort kadıköy escort halkali escort bahcesehir escort maltepe escort pendik escort avcilar escort istanbul escort beylikduzu escort sirinevler escort atasehir escort atakoy escort mersin escort izmit escort samsun escort